Memória Seletiva

   Pensamentos, lembranças e o sub consciente; o memoria-seletivacérebro é uma caixa de surpresas, não é possível prever o que ou quando algo vai sair dele. É incrível a capacidade do cérebro humano de filtrar memorias de uma maneira que acabamos relevando fatos sem importância em detrimento de acontecimentos significativos.

   Acredito que memoria seletiva é um mecanismo de proteção, fazendo o consciente da pessoas que requisitou a memoria, receber somente uma parcela da informação, omitindo as piores partes, que o fariam desistir de executar tal ação. Podemos citar por exemplo, um remédio muito ruim, você toma ele e depois de alguns dias, lembra que ele é ruim, mas não o quanto ele é ruim.

   Na maioria da vezes a memoria seletiva pode agir de uma forma perigosa, como quando fazemos algo arriscado que já deu errado e nos causou grande desconforto, como queimaduras, ossos quebrados e choques elétricos, mas como esquecemos que aquela dor excruciante, tornamos a refazer os mesmos erros, acabando consequentemente com a mesma dor, que será esquecida.

   Existe porem um outro tipo de memória seletiva, esse mais comumente detectado na sociedade, vou chama-la de memoria seletiva proposital (MSP)… Na MSP o sub conciente realiza extrapolações da realidade, afim de fazer o individuo escapar de uma situação constrangedora, sendo assim, a pessoa convenientemente se esquece de algo para beneficio próprio. Alguns exemplos clássicos podem ser citados como:

  • Quando eu cheguei aqui já estava quebrado (Claramente o sub consciente alterando sua memoria para esquecer do fato que você quebrou o objeto e terá que responder por isso);
  • Acho que não custou tudo isso! (Aqui vemos a diminuição do valor para evitar o peso na consciência);
  • É logo ali (Claramente uma distorção no campo do calculo espacial, para que por mais longe que seja o local, não exista uma falta de animo precoce)
  • Eu já devolvi (Nesse caso vemos um esforço conjunto do cérebro com o bolso, para evitar cobranças do dono original do objeto perdido)

Podemos perceber que a memoria seletiva é algo que veio com a evolução do ser humano. Ajudando, ou não, a sua vida na sociedade.

Vizualizações: 1703 |

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *