Livro bom, livro mau!

   Como todo bom leitor, provavelmente você já deve ter lido muito… E lendo muito, você realmente lê muito!

   Alguns autores tem a manha de prender o leitor por entre as páginas de um livro… Mas o que faz do livro um livro bom? Sera a história cativante? Será personagens profundos? Será o alívio cômico que as vezes te da um alívio em meio a uma parte tensa? Isso tudo faz parte, mas não!

   Existe uma certa mística por trás da escrita, algo até sobrenatural, porque não? Uma história deve ser sonhada e vivenciada primeiramente pelo autor, é preciso sorrir para esperar que o leitor sorria, chorar para esperar que o leitor chore, sofrer para esperar que o leitor chore.
   Isso faz de seu trabalho algo não para ser lido, mas para ser amado. Realmente acredito que não é possível inventar uma história, apenas escrevê-la. Escrevendo você se surpreende tanto quanto o leitor no desdobrar da história e o grande desafio é tentar desapegar. Imagine você lendo aquele seu livro preferido, o amor que você nutre pelo personagem, a dor que você sente na sua partida, agora imagine que você é o escritor dessa história, tudo o que você passa como leitor será multiplicado por mil.

   Eu acredito que todos deveriam escrever, quando você escreve, sua mente se abre para um novo mundo, onde você se torna uma criança, pintando uma tela que se chama realidade. Não é preciso escrever livros ou séries, apenas pequenos contos, pequenas histórias já dão conta do recado, o importante não a quantidade de paginas escritas mas a paixão com que você escreveu essas paginas. 

   Não existem livros maus (a não ser os de auto-ajuda, fique longe desses ai), existem livros que tocam sua vida ou não! E não só isso, alem de tocar, quando você termina sua história, a história não termina, e sua vida inteira você leva ela consigo. O livro tem o poder de passar para o leitor esse sentimento, passar coisas novas, dar a habilidade de conhecer novos lugares, novos povos, novas culturas.

   Você pode não ter lido até aqui em baixo, mas se chegou, me permita dizer uma coisa… Comece a escrever! Não precisa ser algo mirabolante, ou algo que vai fundir a cabeça de alguém, qualquer coisa serve, exercite seu pensamento. Nunca ache que você não e capaz, porque qualquer pessoa que realmente quiser algo, pode realizar qualquer coisa… Então porque não começar?

   Um livro bom não é aquele extremamente bem escrito e impecável, com utilização de palavras mortas da língua e irão fazer o leitor ter que procurar seu significado, um livro bem escrito é aquele que faz você voar e nunca mais querer tocar o chão!
Vizualizações: 885 |

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Rael Sill disse:

    Inveja boa do jeito que você escreve, Dan. *_* Putz você está a cada dia melhor, cara. “Não é preciso escrever livros ou séries, apenas pequenos contos, pequenas histórias já dão conta do recado, o importante não a quantidade de paginas escritas mas a paixão com que você escreveu essas paginas. “*_*

    Fiz um post sobre a carreira e as músicas do cantor carioca Cícero Lins. Ele é ótimo passa lá e da uma olhada nos outros posts também: http://goo.gl/xzXGPI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *